CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS »



sexta-feira, 14 de agosto de 2009

A Estrela

Photobucket
Vi uma estrela tão alta,
Vi uma estrela tão fria!
Vi uma estrela luzindo
Na minha vida vazia.

Era uma estrela tão alta!
Era uma estrela tão fria!
Era uma estrela sozinha
Luzindo no fim do dia.

Por que da sua distância
Para a minha companhia
Não baixava aquela estrela?
Por que tão alta luzia?

E ouvi-a na sombra funda
Responder que assim fazia
Para dar uma esperança
Mais triste ao fim do meu dia.

Manuel Bandeira

Visualizações deste post: counter

3 comentários:

amigodcristo disse...

Dani linda! eu amei essa sua poesia, estou nesse dilema, to apaixonado por uma estrela, acredita!!
como é ruim sentir esse sentimento!
mas estou lutando contra a distancia!
amiga linda poesia!!

Ana Lucia Nicolau disse...

Manuel Bandeira... li tanto dele...esse não me lembrava...mas, engraçado, quando comecei a ler já me pareceu familiar...no final, pensei...sabia que é de autor que gosto!

LL disse...

Muito bonito o poema! Não conhecia o autor, mas vou pesquisar. Parabéns!

Abraços
Luísa

Blog Widget by LinkWithin
 
BlogBlogs.Com.Br BlogBlogs.Com.Br Poetry Blogs - BlogCatalog Blog Directory
Central Blogs